Em Espanha dizem que Ceferin pode ir parar ao banco dos réus por desobedecer a um juiz

Em causa os castigos impostos pela UEFA aos clubes fundadores da Superliga

• Foto: Reuters
O jornal espanhol 'As' avança que Aleksander Ceferin, o presidente da UEFA, está a poucas horas de ser indiciado por um crime de desobediência por ainda não ter cumprido a ordem judicial de um tribunal de Madrid para anular as sanções da UEFA aos clubes fundadores da Superliga, conforme ordenou o juiz.

Segundo o jornal de Madrid, a justiça pode cair sobre Ceferin a partir da meia-noite de hoje, quando se cumprirem os cinco dias que o juiz impôs para que se cumprissem as suas ordens. O presidente da UEFA pode mesmo ir parar ao banco dos réus.

A 9 de junho a UEFA comunicou ao Real Madrid, ao Barcelona e à Juventus que "suspendia todos os procedimentos disciplinares que se iniciaram por causa sua participação na Superliga", mas Ceferin, dois dias depois, veio dizer que a suspensão era provisória.

O juiz esperou até à semana passada para ver se a sua resolução judicial, de 20 de abril, era ou não aplicada. E exige que a anulação total de todos os procedimentos sancionatórios e não apenas uma suspensão arbitrária.

Por Record
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Superliga Europeia

Notícias