Grupo A
Grupo B
Grupo C
Grupo D
Grupo E
Grupo F

Mourinho e o fracasso da França no Euro'2020: «Foram castigados pela arrogância»

Treinador português critica atitude da seleção comandada por Didier Deschamps

• Foto: Reuters

A França foi uma das surpresas do Euro'2020... pela negativa. Os atuais campeões do Mundo partiam para a prova como 'vices' europeus - depois da final perdida em casa, para Portugal, em 2016 - mas foram eliminados pela Suíça nos oitavos-de-final.

O treinador português José Mourinho criticou, em declarações à rádio britânica TalkSport, a atitude da seleção comandada por Didier Deschamps, que no duelo com os helvéticos vencia por 3-1 mas consentiu o empate na reta final e teve um "castigo merecido" ao ser eliminadada nos penáltis. 

"A França tem um potencial incrível, não tem qualquer comparação com outra equipa. São melhores do que Itália e Inglaterra, mas foram castigados pela arrogância e perderam a oportunidade de se sagrarem campeões europeus e mundiais ao mesmo tempo. Foi um castigo merecido", começou por referir o atual técnico da Roma.

"A forma como entraram em campo frente à Suíça mostrou essa arrogância. Começaram por ser dominados, mudaram de atitude e deram a volta ao resultado, com 20 minutos em que jogaram o melhor futebol que se viu competição. Mas depois disso foram punidos", acrescentou Mourinho, apontando ainda o dedo às opções de Didier Deschamps nessa partida

"A substituição do Griezmann pelo Sissoko só pode ser feita por alguém que nem sequer pensa que há a possibilidade de haver prolongamento. A França só pode queixar-se de si própria, porque eram a melhor equipa da competição", rematou o treinador português.

Por Record
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Euro 2020

Notícias