Layún critica Neymar: «Se não quiser que o toquem é melhor dedicar-se a outra coisa»

Em causa o lance entre ambos, em que o mexicano pisou o tornozelo do craque brasileiro

Miguel Layún e Neymar protagonizaram um dos lances mais quentes do Brasil-México (2-0), quando, na segunda parte do encontro referente aos oitavos-de-final, o lateral mexicano pisou o craque brasileiro no tornozelo, deixando-o com muitas queixas e levando a enormes protestos do lado dos canarinhos - o árbitro não deu qualquer sanção disciplinar. Após o encontro, o defesa do FC Porto negou qualquer agressão e criticou a postura do avançado.

"Se não quiser que o toquem é melhor procurar outra coisa para fazer. É complicado um jogador como o Neymar, que fica mais tempo no chão do que com a bola... Mas isso também é culpa dos árbitros, que permitem isto. [Sobre a pisadela] Ele estava caído e eu toquei nele quando estava à procura da bola. Não foi de propósito. Sei das qualidades dele mas também das manhas", atirou Layún na zona mista

7
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Mundial 2018

Notícias