Equipa de Daniel Carriço no arranque da Superliga chinesa

Competição começa no dia 25 deste mês com 16 equipas divididas em dois grupos

• Foto: Luís Manuel Neves

O Wuhan Zall, equipa da região em que surgiu o surto de covid-19 e da qual faz parte o futebolista português Daniel Carriço, entra em campo em 25 de julho, no arranque da Superliga chinesa, anunciaram esta segunda-feira os organizadores.

A Associação de Futebol da China informou que a temporada de 2020 vai iniciar-se com um jogo entre o campeão Guangzhou Evergrande e o Shanghai Shenhua, vencedor da taça, em Dalian, no extremo norte do país.

Segue-se a partida entre o Wuhan Zall e o recém-promovido Qingdao Huanghai, na cidade de Suzhou, próxima de Xangai.

A Superliga chinesa sofreu um hiato de quatro meses devido à pandemia de covid-19, que obrigou à adoção de um formato mais curto.

As 16 equipas foram divididas em dois grupos, cujas equipas irão jogar duas vezes entre si em apenas duas cidades: Dalian e Suzhou. As quatro melhores equipas de cada grupo qualificam-se para os play-offs, que irão determinar o campeão.

O sorteio colocou o Wuhan Zall no grupo sediado em Suzhou, juntamente com o Shanghai SIPG, que é treinado pelo português Vítor Pereira, que se sagrou campeão no ano de estreia, em 2018.

O Shanghai SIPG regressa à ação em 27 de julho, frente ao Tianjin Tianhai.

O defesa internacional português Daniel Carriço, que assinou pelo Wuhan Zall em fevereiro, já regressou à China e está a cumprir duas semanas de quarentena antes de se juntar ao plantel, disse o clube chinês.

Por Lusa

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas