Giggs e a saída de Beckham para Madrid: «Eram caprichos a mais, discutia semana após semana»

Antigo jogador revela relação tensa entre a estrela e Alex Ferguson

• Foto: EPA

No verão de 2003, David Beckham protagonizou uma mediática transferência do Manchester United para o Real Madrid. Ryan Giggs, na altura companheiro de equipa do inglês, entende que a saída foi o melhor desfecho para todas as partes.

O galês revela que relação com Alex Ferguson estava a deteriorar-se de dia para dia desde o famoso episódio em que o treinador escocês pontapeou uma bota no balneário, após uma derrota com o Arsenal, atingindo, involuntariamente, o jogador no sobrolho.

"A relação entre os dois nunca mais foi a mesma depois desse episódio. Discutiam semana após semana. O Beckham tinha caprichos a mais e aquele era o momento ideal", salientou Giggs, em declarações reproduzidas pela 'bein Sports'.

O antigo jogador admite que também teve problemas com Ferguson. "Discuti com ele muitas vezes. Fui suspenso sem receber ordenado umas seis ou sete vezes. Nem sempre é fácil estar no balneário depois de um jogo e ouvir que não jogámos nada. Isso eu não engolia! Depois, mudou a sua atitude e eu gostei, mas continuou sempre a multar-me para mostrar quem é que mandava", explicou.

3
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas