Novos áudios do médico de Maradona: «Passa o dia bêbado»

Leopoldo Luque pensou internar o antigo craque mas terá sido dissuadido por outros clínicos

• Foto: Reuters

O programa de TV argentino 'Polémica en el bar' revelou mais áudios visando médicos e cuidadores de Maradona antes da morte do antigo craque. Desta feita foram divulgadas conversas entre Nicolás Taffarel, ciseniologista (uma espécie de fisioterapeuta) e o médico, Leopoldo Luque.

O médico mostra "admiração" por Maradona e pelo que ele "gerou" quando Leopoldo era criança. "Mas eu não o abandono", disse o clínico nesta conversa.

Noutro áudio, o médico admite sentir-se impotente. "Diz-me como podemos terminar com isso. Não é possível. Olha que eu falo com outros médicos, especialistas, que me dizem 'não Leo, um tipo com múltiplos internamentos por adição, com um mau acompanhamento, nunca o poderás tratar. E se o internas, ele vai fugir'."

"Não encontro uma solução. Eu estou mal porque gosto dele, nem sequer me favorece estar com ele enquanto médico pela imagem que ele passa. Passa o dia bêbado", acrescentou Leopoldo Luque.

Por Record
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas