Paolo Maldini: «Sou o maior perdedor da história»

Italiano conquistou imensos títulos... mas optou por olhar para os que deixou escapar

• Foto: Reuters

Paolo Maldini é um dos jogadores com um currículo mais recheado no que a títulos diz respeito - são 25 conquistas pelo AC Milan -, mas ao que parece a sua fome competitiva fala mais alto. De tal forma que, na hora de se definir, o antigo futebolista italiana considera-se como o "maior perdedor da história do futebol". Tudo por causa do também longo rol de finais nas quais saiu derrotado...

"Explico o porquê. Ganhei muitíssimo... Cinco Liga dos Campeões, por exemplo, mas perdi três finais, uma Supertaça europeia, três Intercontinentais, uma final de um Mundial, outra do Europeu, caí numa meia-final de um Mundial... e podia continuar!", atirou o antigo jogador durante um direto com Christian Vieri realizado na rede social Instagram.

Ainda assim, Maldini assegura que sempre soube perder. "Tive a sorte de ganhar muito e vi finais perdidas como algo que faz parte do jogo. Aceitei-as, de verdade", explicou o antigo defesa de 51 anos, que pela seleção viu escapar títulos em grandes provas por três ocasiões. E quando deixou de fazer parte... a turma transalpina lá ganhou. "Na seleção infelizmente estive em grandes equipas, em grandes ocasiões, mas nas finais perdemos por penáltis. E depois em 2006, quando já não estava, ganharam nos penáltis. É a vida...".

Por Fábio Lima
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.