Rüstü Reçber: «Nunca esquecerei tudo o que o Barcelona fez por mim quando estava a morrer»

Antigo guarda-redes turco foi infetado pelo novo coronavírus já mas está recuperado

• Foto: Reuters
O turco Rüstü Reçber, antigo guarda-redes do Barcelona, já recuperou da infeção causada pelo novo coronavírus, mas mantém-se de quarentena. O ex-jogador, que esteve 11 dias internado, deu uma entrevista ao jornal 'As' onde agradece o apoio que recebeu do Barcelona.

"Foi um processo de tratamento muito difícil e longo. Há uma cura para este vírus que o nosso ministério da saúde está a implementar. Os médicos usaram este método extensivamente durante 10 dias", contou Rüstü Reçber, de 46 anos.

"Tive o apoio de muita gente durante este processo e isso foi fantástico. Todos se uniram e sabíamos que juntos eu ia ganhar esta batalha. Foi um susto mas estou muito feliz", prosseguiu.

O antigo jogador não escondeu a emoção quando lhe perguntaram se o Barcelona tentou inteirar-se sobre o seu estado. "Sim, deram-me grande apoio durante e depois da doença. Em particular o Carlos Naval e o Chemi Teres, que me transmitiram os desejos de melhoras do presidente e do clube. Em momentos como este os pequenos detalhes não podem ser esquecidos. Nunca esquecerei tudo o que o Barça fez por mim quando estava a morrer por coronavírus. Deu-me vida", referiu, prosseguindo: "Quero que saibam que estou à disposição do Barcelona. Quero expressar o meu infinito agradecimento a todos, especialmente ao senhor Bartomeu."
4
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas