Zenit empresta Kokorin ao FK Sochi quatro meses após sair da prisão

Avançado esteve detido por gressão a um funcionário do Governo russo

• Foto: Reuters

O futebolista internacional russo Aleksandr Kokorin, que passou um ano na prisão e foi libertado em setembro de 2019, foi emprestado ao FK Sochi, clube que esta época subiu ao principal escalão.

O avançado, de 28 anos, foi cedido ao último classificado do campeonato russo pelo Zenit, que manteve o contrato com o jogador, apesar de este ter estado preso desde outubro de 2018 e até setembro de 2019, bem como Pavel Mamaev, ambos por agressão a um funcionário do Governo russo.

Kokorin, 48 vezes internacional, foi condenado a ano e meio de prisão, enquanto Mamaev, com quem o Krasnodar cessou contrato, teve uma sentença de 17 meses, ambas conhecidas em maio de 2019 e deduzidas do tempo cumprido antes da sentença.

Mamaev, de 31 anos e igualmente internacional russo, foi despedido pelo Krasnodar, mas assinou, poucos dias depois de sair em liberdade, pelo Rostov, embora ainda não tenha jogado, pelo facto de a Liga ainda não ter confirmado o contrato.

Por Lusa

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.