Zidane 'obrigado' a mudar de atitude: «Não ia feito idiota para os bares» 

Treinador do Real Madrid recorda início da carreira como futebolista

• Foto: EPA

Zinedine Zidane chegou ao topo como futebolista e também como treinador. O técnico do Real Madrid, que no currículo leva já três Champions consecutivas, recordou o início da sua carreira e como os seus pais foram fundamentais nesse caminho.

"Antigamente para jogar tinhas de ser bom, não era tão fácil. Agora quando sabem que tens algum talento dão-te rapidamente oportunidade para jogar", explica o treinador francês de 46 anos.

Zidane recorda que a escola não o cativava e que nem sempre seguiu pelo melhor caminho, mas depois de ter tido a autorização dos pais para seguir o seu sonho deu tudo o que tinha para não os desiludir.

"Tive alguns problemas na escola porque a única coisa que me interessava era jogar à bola. Os meus pais nunca me criticaram mas sabiam que a minha atitude não era a ideal. E um dia disseram: 'Sabemos que tens alguma coisa em mente, faz o que quiseres'. E assim que tive a permissão dos meus pais dei tudo o que tinha. Quando cheguei ao Cannes e vi os jogadores a treinar disse: 'quero dedicar-me a isto'".

"A partir desse momento lutei para ser o melhor. Descansava bem, não ia feito idiota para os bares, bebia muita água. Dei tudo o que tinha para me tornar no melhor jogador, tinha de o fazer. Tinha de deixar os meus pais orgulhosos", explicou Zidane em declarações citadas pela aplicação 'OTRO'.

2
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.