1.º de Agosto empata no Libolo e deixa trio na frente

Kabuscorp, Petro e Sagrada Esperança têm todos 25 pontos

• Foto: 1.º de Agosto

O 1.º de Agosto empatou (2-2) este domingo em Calulo, na visita ao Recreativo do Libolo, e deixou fugir a liderança do principal campeonato angolano, agora comandado pelo Kabuscorp (25 pontos), em igualdade pontual com Petro de Luanda e Sagrada Esperança.

Em jogo a contar para a 11.ª jornada do Girabola, estiveram frente a frente dois dos candidatos ao título e a partida ficou marcada por um final eletrizante, com indefinição no marcador. Entrou melhor em jogo a equipa da casa, treinada pelo português Carlos Vaz Pinto, com Kuagica a marcar logo aos cinco minutos para o Libolo, vantagem que se manteve inalterada durante quase uma hora.

Surgiria então a reviravolta dos 'militares' de Luanda, que marcaram aos 61' por Rambé e aos 72' por Vado. Ainda com a equipa do 1.º de Agosto a festejar, um penálti a favor dos anfitriões, convertida por Fabrício, aos 76 minutos, restabeleceu a igualdade.

Os da casa ainda reclamaram um novo penálti, que ficou por assinalar, aos 90'+2, depois de um jogador do 1.º de Agosto ter ostensivamente 'cortado' a bola com o braço em cima da linha de golo.

Com este empate, enquanto o 1.º de Agosto perdeu a liderança, o Recreativo do Libolo segue agora a oito pontos do primeiro lugar, quando ainda tem três jogos em atraso.

Na abertura da jornada, na sexta-feira, o Kabuscorp do Palanca jogou no estádio dos Coqueiros, em Luanda, com o ASA, derrotando os 'aviadores' por 2-1, enquanto no sábado valeu um golo solitário do defesa Wilson para carimbar a vitória (1-0) do Petro, outro dos candidatos ao título, na receção ao Desportivo da Huíla.

Além do Kabuscorp e do Petro, o Sagrada Esperança passou também a somar 25 pontos após ter ido este domingo a Benguela vencer o 1.º de Maio local por 4-2.

Destaque nesta jornada também para o Interclube, do treinador português Paulo Torres, que somou nova vitória. Desta vez recebeu e bateu por 2-0, no sábado, em casa, em Luanda, o Recreativo da Caála.

No campo oposto está o cada vez mais aflito Santa Rita de Cássia, orientado pelo também luso Sérgio Traguil, que somou nova derrota (0-1), em casa, frente ao Bravos do Maquis, e segue no último posto do Girabola de 2017.

Resultados da 11.ª jornada

ASA - Kabuscorp do Palanca, 1-2.
Progresso do Sambizanga - Académica do Lobito, 1-1.
Santa Rita de Cássia - Bravos do Maquis, 0-1.
Progresso da Lunda Sul - JGM Huambo, 1-1.
Interclube - Recreativo da Caála, 2-0.
Petro de Luanda - Desportivo da Huíla, 1-0.
Recreativo do Libolo - 1.º de Agosto, 2-2.
1.º de Maio - Sagrada Esperança, 2-4.

Classificação

1. Kabuscorp, 25.
2. Petro de Luanda, 25.
3. Sagrada Esperança, 25.
4. 1.º de Agosto, 24 pontos.
5. Recreativo do Libolo, 17 (menos três jogos).
6. Interclube, 16 (menos um jogo).
7. Progresso do Sambizanga, 16.
8. Recreativo da Caála, 14 (menos um jogo).
9. Bravos do Maquis, 12.
10. Desportivo da Huíla, 11.
11. Progresso da Lunda Sul, 9.
12. ASA, 8 (menos um jogo).
13. 1.º de Maio, 8.
14. Académica do Lobito, 8.
15. JGM Huambo, 7.
16. Santa Rita FC, 7.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Angola

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.