Flamengo 'simulou' viagem a Portugal para despistar contratação de treinador

Jornalista Venê Casagrande revela plano dos dirigentes do clube brasileiro

Venê Casagrande, jornalista brasileiro que cobre Flamengo, revelou esta quarta-feira a estratégia que Marcos Braz e Bruno Spindel, dirigentes do Mengão, criaram para despistar a contratação de Renato Gaúcho como treinador.

Segundo o jornalista, Braz e Spindel pediram reservas de viagens para Portugal para, assim que a notícia fosse divulgada, se pensasse que o eleito seria um treinador europeu - não necessariamente Jorge Jesus. Recorde-se que, quando procuravam o substituto de JJ, os dirigentes do clube brasileiro entraram pela Europa através de Portugal para iniciarem o processo de escolha de treinador. O eleito acabaria por ser Doménec Torrent.

Agora, a ideia passava por levar a imprensa brasileira a achar que o procedimento seria o mesmo, mas Venê Casagrande publicou que o preferido sempre foi Renato Gaúcho.

Por Record
1
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Brasil

Notícias

Notícias Mais Vistas