Governo do Rio de Janeiro pede autorização a Flamengo e Fluminense para Maracanã virar hospital

Para atendimento específico a pessoas contaminadas pelo coronavírus

O Governo do Rio de Janeiro solicitou ao Flamengo e ao Fluminense, que atualmente são os administradores do Maracanã, para usar o estádio para a instalação de um hospital provisório para atendimento específico a pessoas contaminadas pelo coronavírus.

O Fluminense diz que ainda não foi notificado, mas que concorda com o pedido: "O Fluminense Football Club ainda não recebeu nenhuma notificação do Governo do Estado quanto à utilização do Maracanã como hospital de campanha, mas está de acordo para utilização do estádio para esse fim", refere o clube em comunicado.

Já o Flamengo ainda não fez qualquer comunicação oficial, mas o clube já havia colocado o Maracanã à disposição do governo, ainda antes mesmo desta requisição formal. 

Entretanto, a Federação de Futebol do Rio de Janeiro, que tinha suspendido o Cariocão até o próximo domingo, já anunciou que a competição está suspensa até 30 de abril.

Por António Carlos. Rio de Janeiro. Brasil
1
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Brasil

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.