Manuel José e o sucesso de Jorge Jesus: «Os brasileiros tiveram de meter a viola no saco»

Treinador sublinhou importância dos técnicos portugueses pelo mundo

Para Manuel José, a escola portuguesa de futebol é de nível internacional, como atestam os sucessos das academias do Sporting e do Benfica, que se contam entre as melhores do mundo, e os treinadores nacionais "têm dado cartas em todo o lado e principalmente no continente europeu".

"Com esta história de Jorge Jesus [campeão brasileiro e vencedor da Taça Libertadores], os brasileiros tiveram de meter a viola no saco", disse ainda Manuel José, referindo-se às críticas de que o treinador foi alvo quando começou a trabalhar no Flamengo.

Segundo Manuel José, para criticar a presença de Jorge Jesus, "os brasileiros diziam que tinham inventado o futebol, mas não é verdade, pois foram os ingleses", lembrando que os 'canarinhos' "foram bons durante muitos anos", "mas agora o trabalho das academias é fundamental".

"Era como as pevides em clima tropical em que a gente cospe uma para o chão e nasce uma árvore ou um arbusto, mas agora já não aparecem em catadupa os jogadores talentosos como apareciam, porque isso se deve ao trabalho das academias", explicou.

Manuel José alertou ainda para um fator a ter em conta para a presente edição do Mundial de Clubes, para além do fuso horário do Qatar, que tem a ver com o calendário competitivo europeu ser mais exigente do que o da América do Sul ou da Ásia, e que isso pode pesar no desfecho dos jogos.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Brasil

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.