Muita polícia, janelas forradas e cinco horas a responder: assim foi o interrogatório a Neymar

Avançado, sob fortes medidas de segurança, prestou esclarecimentos na esquadra no caso da alegada violação

• Foto: Reuters

Neymar foi ontem prestar declarações à 6ª Delegacia de Defesa da Mulher, em São Paulo, perante a delegada Juliana Lopes Bussacos, que coordena as investigações, sobre as acusações da modelo Najila Trindade de alegadas agressões e violação num encontro em Paris. De muletas, devido à lesão sofrida ao serviço da seleção brasileira, o extremo do PSG tinha muitos adeptos à espera, que fizeram questão de deixar o seu apoio ao jogador, debaixo de um forte dispositivo de segurança montado pelas autoridades policiais.

À esquadra da polícia, que foi cercada de grades e com as janelas forradas a papel pardo, Neymar chegou acompanhado pelos seus advogados e sob escolta policial. Nos últimos dias, a equipa jurídica do internacional canarinho tinha verificado as condições de segurança do prédio, assim como a operação de segurança em redor do avançado.

Televisão brasileira entrou no hotel onde tudo aconteceu entre Neymar e Najila
Esta é a 2ª vez que Neymar se desloca a uma esquadra para prestar esclarecimentos neste caso. No passado dia 6, no Rio de Janeiro, o jogador esteve 1 hora e 40 minutos a depor sobre a divulgação de imagens íntimas da modelo brasileiro, no Instagram, que o avançado garante ter sido feita por assessores. Este novo depoimento de Neymar significa que o inquérito policial está a terminar e o avançado pode ser indiciado pelos crimes de que é acusado.

Cinco horas

Divulgado vídeo de discussão entre Neymar e a mulher que o acusa de violação
Neymar foi interrogado durante cinco horas, respondeu a todas as questões e negou as acusações de violação. No final, deixou umas curtas declarações ao público.

"Estou tranquilo. Agradeço a todos pelas mensagens que recebi até agora. A verdade vem sempre ao de cima", vincou o craque brasileiro.

Por Francisco Laranjeira
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Brasil

Notícias

Notícias Mais Vistas