Polícia chamada a festa após vitória do Brasil: «A toda a hora chega Uber com garotas de programa»

Vizinhos fizeram queixa devido ao barulho às 4 da manhã

A carregar o vídeo ...
Imagens da nova polémica com jogadores da seleção brasileira: vizinhos chamam polícia para acabar com festa

Nova polémica com jogadores da seleção brasileira. Após a vitória do Brasil frente ao Qatar, em jogo de preparação para a Copa América, e com Neymar no hospital, após se ter lesionado no pé direito, alguns jogadores da canarinha foram festejar... no entanto, a festa terminou com a chamada da polícia ao local. 

Segundo relata a imprensa brasileira, Gabriel Jesus e Miranda foram dois dos jogadores identificados como estando presentes na festa privada, na casa do empresário Eduardo Bastos, em Brasília.

"O som muito alto está a acordar toda a vizinhança. A toda a hora chega um Uber com garotas de programa... esses são os nossos heróis", comenta um vizinho, enquanto grava a festa que durou até às 4 da manhã e que terminou com a intervenção da polícia.

As autoridades foram chamadas pelos vizinhos do empresário no Sector Noroeste, um dos bairros mais nobres do Distrito Federal, em Brasília.

Entretanto, o empresário Eduardo Bastos já reagiu à notícia: "Infelizmente, exageramos um pouco na altura do som em dia de semana, mas hoje liguei para todos os síndicos dos prédios onde moradores reclamaram para me desculpar. Fiz questão de enviar um vinho com um cartão aos moradores", afirmou, negando no entanto, algumas das declarações dos vizinhos: "Poxa, em vídeo que foi divulgado, chamaram minhas convidadas de prostitutas. São amigas e namoradas do meus amigos."

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Brasil

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.