Rafael Ramos detido no final do jogo do Corinthians: português fala em mal-entendido

Jogador do Internacional acusa defesa de ter proferido insultos racistas

• Foto: Getty Images
Rafael Ramos, jogador português do Corinthians, treinado por Vítor Pereira, foi detido por alegados insultos racistas dirigidos a um jogador do Internacional de Porto Alegre durante o jogo de ontem. O defesa acabou por ser libertado após o pagamento de uma fiança no valor de 10 mil reais (cerca de 1.900 euros), por parte do 'Timão'.

Segundo a imprensa brasileira, Rafael Ramos e Edenilson terão discutido durante o jogo, que terminou com um empate a duas bolas. O jogador do Inter chamou o árbitro e disse que o português o teria apelidado de "macaco".

No final do jogo Edenilson fez uma queixa formal e a polícia esteve no estádio, a ouvir o seu depoimento. Os agentes ouviram também o português, que ficou retido, enquanto a restante equipa do Corinthians deixava o estádio em Porto Alegre, bem como a equipa de arbitragem.

Antes de deixar o local, Rafael Ramos falou com a imprensa e garantiu ter sido mal compreendido pelo adversário. "Estou aqui com a consciência e a cabeça limpas, para explicar o que aconteceu. Foi puramente um mal entendido entre mim e o Edenilson. No final do jogo estive com ele e tivemos uma conversa tranquila, onde expliquei o que tinha acontecido. Ele disse o que realmente entendeu, o que não é verdade. E eu expliquei a verdade daquilo que eu tinha dito. Foi isto que aconteceu. Tivemos uma conversa tranquila. Ele mostrou receio por passar por mentiroso, mas eu disse-lhe que não é mentiroso, apenas entendeu mal as palavras. Apertámos a mão e desejei-lhe boa sorte", explicou o português.

Edenilson deixou o Estádio Beira-Rio sem falar com a imprensa, mas, segundo o presidente do Inter, o jogador estava bastante abatido. "Está chateado e incomodado com isto. Saiu daqui de cabeça baixa. Não queria ter passado por isto. Agora estão a ser ditas várias versões e eu vou confiar na do Edenilson", garantiu Alessandro Barcellos.
Por Record
1
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

Ultimas de Brasil

Notícias

Notícias Mais Vistas