Suspeitos da morte do jogador do S. Paulo mandaram arranjar telemóvel 4 dias após o crime

Aparelho já está na posse das autoridades brasileiras

O telemóvel de Cristiana Brittes, suspeita de envolvimento na morte do jogador do São Paulo, Daniel Correa, e mulher do assassino confesso, Edison Brittes Júnior, já está na posse das autoridades brasileiras e pode dar mais pistas sobre o crime macabro que está a chocar o Brasil. O casal mandou aranjar o telemóvel quatro dias depois do homicídio do futebolista - encontrado no mato, degolado e sem os genitais - mas o serviço de assistência não chegou a ser efetuado.

Segundo a imprensa brasileira, o proprietário da loja apercebeu-se que Cristiana era uma das suspeitas - está detida, assim como o marido, a filha, e outros três homens - da morte do futebolista e foi entregar o aparelho ás autoridades.

Cristiana Brittes deixou o telemóvel na loja para arranjar no dia 31 de outubro - quatro dias depois da morte de Daniel - alegando que o aparelho estava com um defeito microfone e no áudio. Uma imagem da câmara de segurança da loja confirma a presença do casal. Mas, segundo o proprietário da loja, como já era final de dia o trabalho ficou adiado para o seguinte, dia que coincidiu com a detenção de Cristiana. Depois de saber que Cristiana era uma das suspeita da morte de Daniel, e decidiu levar o telemóvel à polícia, juntamente com a ordem de serviço.

entretanto, o delegado que investiga o caso, Amadeu Trevisan, já confirmou que o aparelho está na posse da polícia, que "verificou que não houve troca de chip", e que irá agora pedir uma ordem judicial para abrir o telemóvel, que poderá ser fundamental para se perceber toda a história deste crime macabro. 

Recorde-se que Edison Brittes Júnior, homicídio confesso, afirmou que o telemóvel de Daniel Correa teria sido destruído por um dos rapazes que o acompanhou e que o atirou pela janela. O telemóvel do jogador teria as fotos de Cristiana na cama, que ele partilhara com os amigos no WhatsApp, e que esse facto levou o empresário a perder a cabeça.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Brasil

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0