Futre: «Estive perto de assinar com o Barcelona por duas vezes»

Antigo internacional recorda acordo assinado por Pinto da Costa num guardanapo

• Foto: Vítor Mota

Numa conversa com Francisco Trincão, promovida pelo jornal 'El Mundo Deportivo', a propósito do Atlético Madrid-Barcelona, Paulo Futre confessou que esteve perto de ser jogador dos blaugrana em duas ocasiões.

"A primeira foi antes de assinar com o Atlético Madrid, pouco antes de jogar a Taça dos Campeões Europeus em Viena, em 1987, diante do Bayern Munique, que ganhámos por 2-1. O Pinto da Costa chegou a assinar um acordo com o Barça num guardanapo. Depois da final houve reuniões no Porto, chegaram a fazer-me um teste psicológico, mas acabou por não se concretizar", recorda Futre.

Nesse mesmo verão Futre tornou-se bandeira eleitoral de Gil e Gil e assinou pelo Atlético Madrid. Mas ainda houve outro avanço do Barcelona, dois anos mais tarde. "A segunda foi com Cruyff. Fui a primeira contratação que ele pediu, mas Jesús Gil declarou-me intransferível."

Francisco Trincão é o 9.º jogador português a vestir a camisola do Barcelona, depois de Figo, Vítor Baía, Fernando Couto, Simão Sabrosa , Quaresma, Deco, André Gomes e Semedo. 

Por Record
2
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Barcelona

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.