Ambiente aqueceu entre Sergio Ramos e Florentino: «Pagas-me e vou-me embora»

Central não gostou das críticas do presidente e ameaçou deixar o Real Madrid

• Foto: Reuters

O ambiente no balneário do Real Madrid aqueceu após a eliminação da Liga dos Campeões frente ao Ajax, na terça-feira. O presidente Florentino Pérez arrasou a equipa no final do jogo e o capitão Sergio Ramos, que não jogou, respondeu-lhe à letra.

Segundo conta o diário 'As', Florentino descreveu como "vergonhoso" o que tinha acabado de acontecer no Bernabéu, falando em falta de dedicação dos jogadores e apontando o dedo às folgas em excesso dadas pelo técnico Santiago Solari ao plantel.

Sergio Ramos não gostou e ripostou de imediato, culpando o dirigente pela temporada desastrosa dos merengues e acusando-o de ter planeado esta época de forma deficiente. O central chegou mesmo a ameaçar deixar o clube: "Pagas-me e vou-me embora".

O Real Madrid perdeu quatro dos últimos cinco jogos, sendo que todos estes desaires foram em casa. Em poucos dias, a equipa foi afastada da Taça do Rei e da Liga dos Campeões. No campeonato está no terceiro lugar, a 12 pontos do líder Barcelona.

Os maus resultados já levaram os responsáveis merengues a iniciarem conversações tendo em vista a sucessão de Solari no comando técnico da equipa.

Por Luís Miroto Simões
Deixe o seu comentário
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Espanha

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0