Football Leaks: Sergio Ramos acusou positivo em controlo antidoping na final da Champions de 2017

Médico do Real Madrid admitiu injeções e UEFA aceitou justificação

• Foto: Reuters

Sergio Ramos acusou positivo num controlo antidoping após a final da Liga dos Campeões de 2016/17, na qual o Real Madrid bateu a Juventus, segundo documentação revelada pelo 'Der Spiegel' através do Football Leaks.

A substância em causa foi dexametasona. O médico dos merengues admitiu então que o central espanhol recebeu duas injeções: uma no joelho e outra no ombro. A UEFA aceitou a justificação.

No entanto, Sergio Ramos também terá infringido as regras do controlo antidoping mais recentemente. Em abril, após o jogo com o Málaga, o capitão do Real Madrid só foi ao controlo após tomar banho, ao contrário do que manda a regulamentação.

Recorde-se que o 'Der Spiegel' já tinha alertado no início do mês que havia documentação comprometedora a respeito de doping relativamente a um jogador "que venceu por várias vezes a Liga dos Campeões".

O momento em que a UEFA chamou Sergio Ramos ao antidoping em Cardiff

Por Luís Miroto Simões
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Espanha

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.