Jovic vai ter de justificar violação de quarentena em tribunal

Avançado do Real Madrid vai ser chamado a depor pelo Ministério Público de Belgrado

• Foto: Getty Images

Depois de ter viajado de Espanha para Belgrado, para festejar o aniversário da namorada Sofija Milosevic, em pleno isolamento social face à pandemia de Covid-19, Luka Jovic ficou em sérios problemas com o governo do seu país. Aleksandar Vucic 'ameaçou' mesmo chegar a prender o ex-avançado do Benfica caso voltasse a quebrar a quarentena imposta.

Esta quarta-feira, os meios de comunicação sérvios fizeram eco da polémica em torno do dianteiro do Real Madrid, que será chamado, juntamente com Nikola Ninkovic, jogador do Ascoli, da Série B de Itália, a depor pelo Ministério Público de Belgrado pelo delito de que fora acusado.

Com isto, o internacional sérvio pode vir mesmo a falhar o regresso aos trabalhos dos merengues - ainda sem data definida - caso venha a decidir-se que deva cumprir alguns meses de prisão domiciliária.

"Os futebolistas Luka Jovic e Nikola Ninkovic vão ser convocados a uma audiência pela Promotoria em Belgrado. Isto depois da polícia ter feito acusações aos dois jogadores por suspeita de violar o auto-isolamento há pouco menos de um mês", informou, esta quarta-feira, o 'Pink.tv'.

Por Sérgio Magalhães
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

Ultimas de Espanha

Notícias

Notícias Mais Vistas