Koeman: «Não sei se depois das palavras de Messi vou ter uma vida tranquila aqui»

Treinador reage à entrevista do argentino e congratula-se com o seu pedido de união

• Foto: EPA
Ronald Koeman foi confrontado esta quarta-feira, na antevisão do jogo com o Celta de Vigo, com as mais recentes declarações de Lionel Messi e o técnico constatou que não vai ter "uma vida tranquila". O argentino reconheceu que nem tudo correu bem nas últimas semanas nos blaugrana e apelou à união, para que o clube possa voltar a entrar no trilho das vitórias.

"Não sei se depois das declarações de Messi vou ter uma vida tranquila, penso que não. Há sempre alguma coisa. Mas é positivo que o capitão peça união. Oxalá consigamos estar mais tranquilos do que estivemos ultimamente. Temos de procurar a melhor equipa para ele, onde possa brilhar e ter o máximo rendimento. E há que procurar fórmulas nos treinos porque ele vive para ganhar, até nos treinos. Para que ele esteja feliz, temos de ganhar jogos", explicou o holandês.  

E para essa equipa o clube garantiu já a contratação de Sergiño Dest, jogador holandês de 19 anos que chega do Ajax e que está a realizar os testes médicos. "Ainda não assinou, até que assine não vou tecer grandes considerações. Mas é um jogador jovem e há que mudar coisas aqui. Deve competir com os outros laterais, mas ele é bom porque, apesar de jovem, já jogou na Champions e tenho a certeza que quando assinar vai ser muito útil ao Barça."

Sobre Dembelé, Koeman garante que conta com o francês. "As decisões são entre o clube e o jogador, mas eu conto com ele. Não tem sido titular porque há mais futebolistas e o Ansu [Fati] tem estado muito bem. Tem de esperar pela sua oportunidade. Esteve melhor fisicamente nas primeiras sessões, mas hoje esteve bem."
Por Record
3
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Espanha

Notícias

Notícias Mais Vistas