Liga espanhola ameaça recorrer ao TAS para garantir Girona-Barcelona em Miami

FIFA não quer que o jogo se dispute fora de Espanha

O presidente da Liga espanhola, Javier Tebas, ameaçou esta terça-feira recorrer ao Tribunal Arbitral do Desporto (TAS) para permitir que o jogo Girona-Barcelona se possa disputar em Miami, nos Estados Unidos, contra a vontade da FIFA.

"Iremos ao Tribunal Arbitral do Desporto ou aos tribunais competentes e acreditamos que temos o direito legal e ético de fazê-lo", defendeu Tebas, que pretende que o encontro do campeonato espanhol, marcado para 27 de janeiro de 2019, se possa realizar em solo norte-americano.

Na sexta-feira, o Conselho da FIFA rejeitou a pretensão da Liga espanhola de disputar a partida nos Estados Unidos, por considerar que "os jogos oficiais devem ser jogados no território da associação membro respetiva".

"Porque é que não podemos fazer isto, onde está o problema?", questionou Tebas, lembrando que os Estados Unidos são o segundo maior cliente da liga espanhola, obtendo 1,1 mil milhões de euros anuais com a venda dos direitos de transmissão televisivos dos jogos.

Por Lusa
2
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Espanha

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.