Soldado: «Havia Figo, Zidane, Raúl, mas segui quem não devia»

Avançado do Granada recordou passagem pelo Real Madrid

• Foto: Lusa

Roberto Soldado recordou em entrevista ao britânico 'The Guardian' a sua passagem pelo Real Madrid. Atualmente ao serviço do Granada, o avançado mostrou-se muito crítico consigo mesmo aquando da passagem pelos merengues no início da carreira.

"Peso menos sete quilos do que quando estava no Real Madrid. Vejo fotografias minhas e sinto-me envergonhado. Era um fedelho. Havia jogadores como Figo, Zidane, Raúl, todos super profissionais. Mas eu olhava para outros. Segui quem não devia ter seguido", referiu o avançado, de 34 anos, que atua juntamente com os portugueses Domingos Duarte e Rui Silva.

"Cada um deve assumir a responsabilidade pelas suas ações, saber o que é, ou não, apropriado e estabelecer limites. Eu pensava que era maior do que o David Beckham. Não estava mentalmente preparado. Gostaria de ter tido a oportunidade de jogar por esse Real Madrid a 100 por cento", lamenta o avançado que admitiu ainda que cometia excessos. "Não cuidava de mim, comia muito. Como é que podia jogar nos galáticos daquela forma? Se à uma da manhã alguém dizia para irmos tomar um copo, eu era o primeiro a preparar-me para sair. Tinha uns 17 ou 18 anos. O Real contactou os meus pais", conta o espanhol.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Espanha

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.