Record

Football Leaks: os atrasos de Cavani e o bónus revogado a Verrati por conduzir embriagado

Neymar teria que dar entrevistas à Al Jazeera sempre que fosse solicitado

• Foto: EPA
Os documentos do Football Leaks, revelados pela 'Envoyé spécial' em parceria com o site 'Mediapart', continuam a detalhar os contratos dos jogadores do Paris SG. Além da revelação de que Neymar cobra 375 mil euros para aplaudir os adeptos no final dos jogos, há outras informações relativas ao contrato do internacional brasileiro e de outros jogadores do plantel parisiense.

Sobre o avançado brasileiro, o programa francês 'Envoyé spécial', com base nas declarações do Football Leaks, diz que o jogador pode ser premiado em dois milhões de euros caso esteja entre os três nomeados para a bola de ouro. De acordo com o programa francês, o camisola 10 do PSG deve mostrar-se sempre disponível para conceder entrevistas à Al Jazeera, empresa de media do Qatar (o clube é gerido pela Qatar Sports Investment).

Já em casos de indisciplina, alguns jogadores do PSG tiveram alguns bónus revogados. O caso mais recente foi o de Verrati, que foi apanhado a conduzir sob efeito de álcool. Também Aurier e Ben Harfa, antigos jogadores do clube, foram penalizados devido a problemas de disciplina. Já o avançado uruguaio Cavani não se pode atrasar em mais de 5% dos treinos por mais de 15 minutos.
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de França

Notícias

Notícias Mais Vistas

M