Mãe de Samuel Kalu libertada após sequestro

Futebolista nigerado do Bordéus pode respirar de alívio

• Foto: Instagram Samuel Kalu

A mãe do futebolista nigeriano Samuel Kalu, que alinha nos franceses do Bordéus, foi libertada após ter sido sequestrada em 27 de fevereiro, no sudeste da Nigéria, disse esta terça-feira à agência noticiosa AFP um responsável policial.

Ozuruonye Juliet Kalu tinha sido sequestrada no estado de Abia, onde os raptos são um crime frequente, quando seguia na sua viatura, no regresso a casa.

Segundo a imprensa nigeriana, os autores do rapto reclamavam o pagamento de cerca de 15 milhões de nairas (cerca de 35 mil euros), mas a polícia não confirmou à AFP se este montante foi pago.

"Ela foi libertada perto da meia-noite de segunda-feira e já pôde reencontrar-se com os seus próximos", disse Godfrey Ogbona, porta-voz da polícia local.

Este não é o primeiro caso de sequestro de familiares de desportistas nigerianos. Durante o Mundial2018, o pai de Obi Mikel, o capitão da seleção, foi sequestrado, pouco antes do encontro das 'Super Àguias' com a Argentina.

O pai do jogador acabou por ser libertado dias depois, após um confronto armado entre a polícia e os sequestradores.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de França

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.