Gary Neville explica por que Mourinho foi para o Tottenham: «Casamento de conveniência»

Antigo jogador do Manchester United recorda que o técnico queria muito regressar à Premier League

O antigo futebolista inglês Gary Neville considerou a ida de José Mourinho para o Tottenham como um "casamento de conveniência" entre o técnico e o presidente dos spurs, Daniel Levy. O antigo craque do Manchester United explicou que o treinador português aceitou o convite de modo a poder relançar-se na alta roda mundial, depois de ter sido despedido pelos red devils no final do ano passado.

"Se me dissessem que o Levy um dia contrataria um técnico como Mourinho, não acreditaria", disse Neville à Sky Sports. "Para mim é uma ponte, tanto para o Levy como para o Mourinho. O Mourinho precisa de voltar e fixar-se na Premier League, ele queria voltar a Londres. Trata-se de um casamento de conveniência. O Levy não é estúpido, eles estão a usar-se um ao outro."

"O Mourinho quer voltar a um nível alto, a ganhar troféus, e o Levy precisa que manter os jogadores que tem", acrescentou o antigo jogador. 

José Mourinho estrou-se no comando técnico do Tottenham com uma vitória fora de portas, diante do West Ham. Hoje os spurs entram em ação na Liga dos Campeões, em casa, frente ao Olympiacos.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Inglaterra

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.