José Gomes quer reviver 2009

Português espera repetir “o jogo fantástico” vivido no FC Porto e dar triunfo histórico ao Reading

O Reading visita hoje o Manchester United para a Taça de Inglaterra e tentará algo que só conseguiu em 1927: vencer os red devils. A equipa orientada por José Gomes terá pela frente um adversário em alta desde a saída de Mourinho e, assim, o português perspetivou, a Record, um desafio que será "uma aferição de como a equipa joga ao mais alto nível". E o treinador, de 48 anos, tem boas memórias de Old Trafford: quando o FC Porto empatou (2-2) nos ‘quartos’ da Champions, em 2008/09, e chegou a orientar a equipa no Dragão, devido ao castigo de Jesualdo Ferreira.

"Lembrei-me por acaso disso a ir para Manchester. Fizemos um jogo fantástico! E dar-nos-ia a passagem se não fosse um grande golo do Ronaldo no Dragão. Perdemos injustamente", destacou, sendo que comanda agora O’Shea, ex-United. "Por acaso, falámos desse jogo e ele disse que foi muito difícil. Mas nem falou do United, pois todos sabem como joga."

E não é para menos. Sob o comando de Solskjaer, o United só sabe vencer, mas José Gomes vaticinou a fórmula para o sucesso do Reading: "Vai ser muito difícil, pois o United tem belíssimos jogadores e estão com uma dinâmica fortíssima. A velocidade na circulação e confiança é incrível. Temos de procurar ter bola o máximo de tempo possível e aproveitar os espaços. Temos trabalhado isso e está a ser giro, pois os jogadores agarraram esta ideia de jogo e quero que desfrutem", frisou.

O ex-Rio Ave esclareceu ainda que não criticou Solskjaer ao afirmar que o United pode vencer mesmo sem treinador. "Não quis beliscar o trabalho dele, mas sim valorizar a qualidade dos jogadores. É expectável que o United faça 4/5 alterações, mas todos são muito bons. Sai o Mata e entra o Alexis…", exemplificou.

Por Filipe Balreira
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Inglaterra

Notícias

Notícias Mais Vistas