José Mourinho critica calendário: «É um crime, vai contra as regras da fisiologia»

Treinador do Tottenham e o facto de se jogar a 26 e 28 de dezembro

A carregar o vídeo ...
Golo de classe de Dele Alli vale triunfo ao Tottenham

José Mourinho criticou duramente o calendário da Premier League no período natalício, nomeadamente a sobrecarga de jogos que existe. Após o triunfo de hoje (2-1) sobre o Brighton, o Tottenham volta a entrar em ação no sábado em Norwich, numa série de quatro encontros em 11 dias que terminará no dia de Ano Novo.

"É um crime estarem a jogar novamente a 28, vai contra todas as regras da fisiologia e biologia. Mas é assim e agora temos três jogadores castigados, é completamente injusto", começou por dizer o treinador português, referindo-se às ausências de Son Heung-Min (viu vermelho na ronda anterior e cumpre três partidas), Moussa Sissoko e Harry Winks (viram ambos o quinto amarelo da temporada).

Concretamente sobre o encontro de hoje, Mourinho destacou a atitude da sua equipa rumo à reviravolta. "Não começámos muito bem e eles marcaram. Mas o nosso espírito foi fantástico. Fizemos alguns acertos para a segunda parte, ficámos em igualdade numérica a meio-campo e isso deu-nos mais posse de bola. Foi difícil até ao fim mas muito importante. Não podíamos perder dois jogos de seguida e o rácio de trabalho foi muito elevado. Disse aos rapazes para darem tudo o que tinham", vincou.

3
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Inglaterra

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.