Mourinho e a tática para contornar castigo: «Roupeiro pôs-me no cesto da roupa»

Treinador português confirma história que aconteceu em 2005

• Foto: EPA

A história ainda não tinha sido contada pelo protagonista, mas já há muito que eram conhecidos rumores que Mourinho um dia tinha-se escondido num cesto da roupa para 'contornar' um castigo e assim estar no balneário com os seus jogadores. A história já se tornara numa lenda e agora foi confirmada pelo próprio.

"Era um Chelsea-Bayern Munique, um grande jogo da Liga dos Campeões, e eu precisava de estar com os meus jogadores e fiz isso, sim", admitiu à beIN Sports, estação televisiva onde atualmente é comentador. 

E a história continua: "Fui para o balneário durante o dia, por isso estive lá desde o meio-dia e o jogo era só às 19h00. Eu apenas queria estar no balneário quando os jogadores chegassem. Cheguei e ninguém me viu, o problema foi sair depois. O roupeiro pôs-me no cesto da roupa e, para que eu pudesse respirar, estava um bocadinho aberto. Mas quando estava a sair do balneário, foi seguido pelos homens da UEFA desesperados para me encontrar, por isso fechou a caixa e eu não conseguia respirar. Quando a abriu, estava a morrer", relatou.

À beIN Sports, Mourinho admitiu também que já teve algumas propostas desde que saiu do Manchester United: "Já recusei três ofertas de trabalho porque senti que não era aquilo que eu queria", explicou.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Inglaterra

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.