Mourinho: «Sou muito português, sempre à procura de coisas novas»

Explica por que aceitou o desafio de treinar o United e faz balanço positivo

• Foto: Action Images

José Mourinho explicou o motivo pelo qual aceitou treinar o Manchester United numa altura em que o clube procurava reerguer-se de temporadas menos positivas.

"Eu sabia para que clube vinha. Sei que uma coisa é chegar a um clube que está preparado para ganhar e que apenas tens de dar uns últimos toques, a tua qualidade e conhecimento, e esse clube já está pronto para esse último clique. Mas sabia que este não era o caso. Os dirigentes sabiam isso. Por isso a questão foi: neste período da minha carreira, estarei eu pronto para este tipo de trabalho? Sim, estou, porque a minha carreira foi sempre cheia de coisas novas", começou por dizer.

"Sou sempre muito português no sentido em que estou sempre pronto para descobrir e tentar coisas novas, sempre preparado para mudar de país, de clube, de cultura. Fiz tudo isso. Portanto, quando vim para o Manchester United estava preparado para isto e sabia que não haveria um sucesso imediato", acrescentou Mourinho.

Em todo o caso, o treinador português fez um balanço positivo: "Mas, apesar de tudo, três troféus, três finais e ser, no pior dos cenários, terceiro ou quarto classificado… Não está mal".

Por Luís Miroto Simões
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Inglaterra

Notícias

Notícias Mais Vistas