Rojo safou-se de boa só porque Alex Ferguson é um bom vizinho

Argentino revela episódio curioso passado no Natal

Marcos Rojo é um homem de (pelo menos algumas) tradições e, mesmo longe do seu país, gosta de manter os costumes. No último Natal, o defesa argentino do Manchester United contou com a presença da família na sua casa, em Inglaterra, e comprou fogo de artifício para lançar, tal qual fazia do lado de lá do Atlântico. O pior é que se esqueceu que se podia ter metido numa alhada, só evitada por uma boa... vizinhança.

"No Natal a minha família veio toda passar as festividades comigo. Aqui não é hábito lançar fogo de artifício, mas quis comprar para a minha família e atirei depois da meia-noite. Jogávamos no dia seguinte [com o Burnley] e Ferguson vem sempre ver-nos quando jogamos em Old Trafford. 'Foi bom o show de luzes que fizeste ontem à noite', disse-me. Queria morrer, pensei que me iam despedir do clube. Mas, por sorte, aceitou bem", recordou o ex-jogador do Sporting que, aos 27 anos, cumpre a quarta temporada ao serviço dos red devils.

1
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Inglaterra

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.