Scholes volta ao ataque e diz que Mourinho está a minar confiança dos jogadores do United

Antigo médio dos red devils não compreende timing das críticas do treinador português

Paul Scholes, Robbie Savage (em pé) e Jake Humphrey, a equipa do canal BT Sport
• Foto: Action Images

O teor e o timing das declarações de José Mourinho após o Manchester United-Brighton (2-0) da Taça de Inglaterra deixaram Paul Scholes perplexo. O antigo médio dos red devils, agora comentador no BT Sport, deixou claro que o treinador português errou ao criticar de forma contundente os jogadores depois destes terem cumprido a missão que lhes era exigida, sublinhando o efeito que estas palavras poderão ter a curto prazo.

"A pior sensação que um jogador pode ter é quando se ouve alguém questionar o seu empenho em ganhar. Com a confiança já está bastante abalada ele vai acabar po se 'esconder' atrás de outros. Não me parece que tenha visto muito disse esta noite. Na noite de terça-feira sim, vi isso acontecer", começou por salientar o antigo internacional inglês, referindo-se à eliminação do United na Liga dos Campeões, frente ao Sevilha.

"Parece-me que estas declarações deveria ter sido feitas após esse jogo de terça-feira e não neste. É certo que a equipa não deu espetáculo, todos vimos isso, e que Mourinho não está satisfeito com a forma como os futebolistas jogaram. É certo também que ele disse que tentou que fossem mais agressivos, mais virados para o ataque, mas não me parece que isso tenha acontecido", encerrou Scholes no comentário após o jogo, o qual certamente terá resposta de Mourinho.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Inglaterra

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.