Agnelli e os efeitos do coronavírus: «Clubes enfrentam ameaça à sua existência»

Presidente da Juventus e da ECA traça cenário dramático

• Foto: Reuters

Andrea Agnelli, presidente da Juventus e da Associação Europeia de Clubes (ECA), traça uma cenário dramático para o futebol, face à pandemia da Covid-19

"Nós, como dirigentes, somos responsáveis por garantir a sustentatibilidade e bem-estar dos clubes que gerimos e que neste momento enfrentam uma ameaça real à sua existência. Como tudo está parado, não existem receitas para pagar aos nossos jogadores, funcionários e para fazer face a outros custos operacionais, Ninguém está imune e o tempo é essencial. Atender às nossas preocupações é o maior desafio que a nossa indústria já enfrentou", escreveu Agnelli numa carta dirigida aos clubes e à qual a Reuters teve acesso.

Na missiva, o dirigente italiano revela negociações com a UEFA. "As discussões são muito ativas até para percebermos como será a abordagem da UEFA sobre o licenciamento e mecanismo de fairplay financeiro com esta crise inesperada."

Por Aurélio de Macedo
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Itália

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0