Sarri explica ausência de Ronaldo no último particular

Avançado não jogou frente à Team K-League em Seul

• Foto: Reuters

Maurizio Sarri revelou que a decisão de deixar Cristiano Ronaldo de fora no particular frente à Team K-League, em Seul (Coreia do Sul), foi tomada após uma conversa a três, que envolveu também o presidente da Juventus, Andrea Agnelli.

Equipa sul-coreana festeja golo à Ronaldo: reação de CR7 no banco da Juventus diz tudo
"Era esperado que o Ronaldo jogasse hoje, mas ele não estava 100% apto devido a uma fadiga muscular. Falei com Andrea Agnelli e Ronaldo antes da partida e concluímos que o melhor seria ele descansar", salientou após o empate a dois golos.

A situação criou algum desconforto com a organização, que tinha garantido que CR7 jogaria pelo menos uma parte, sendo que houve bilhetes a serem vendidos por um valor aproximado de 180 euros.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Itália

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.