Europeu de andebol: Selecionador lembra que jogo com a Noruega "vale mais do que o 1.º lugar"

"É uma seleção fortíssima", diz Paulo Pereira

• Foto: EPA

O selecionador português de andebol, Paulo Pereira, advertiu esta segunda-feira que o jogo com a Noruega, anfitriã do Grupo D do Euro2020, "vale mais do que apenas o primeiro lugar", porque permite "chegar bem à frente" à ronda principal.

"Vale mais do que apenas o primeiro lugar do grupo, porque lança a segunda fase, já com a possibilidade de chegar bem à frente, levando dois pontos para a fase seguinte, o que é fundamental para qualquer equipa que queira chegar às meias-finais", argumentou Paulo Pereira, em encontro com os jornalistas na cidade norueguesa de Trondheim.

A seleção nacional vai discutir na terça-feira com os noruegueses não apenas o triunfo no Grupo D da fase preliminar, mas também a conquista de um ou dois pontos que terão repercussões na ronda principal, para a qual são transportados os resultados entre as duas seleções apuradas de cada 'poule'.

"Vamos ter de fazer quatro jogos [na ronda principal] e se levarmos zero pontos vai ser muito complicado. Se levarmos dois pontos as coisas ficam muito mais facilitadas, mas a Noruega também sabe disso", assinalou o treinador.

Paulo Pereira não está ainda preocupado com os possíveis adversários na segunda fase do torneio, que serão, além da Noruega, os dois primeiros classificados dos grupos E e F, preferindo concentrar-se no confronto com os anfitriões do agrupamento D.

"Só penso na Noruega. Eles já estão a pensar em possíveis cruzamentos dos dois grupos que vão jogar connosco. É uma seleção fortíssima, mas também temos as nossas opções. Tenho pena de não ter tido tempo de trabalhar o sistema 5x1 alternativo. Sei que a Noruega tem muita dificuldade em jogar contra 5x1. Talvez tenha de insistir no 6x0 mais ativo", explicou.

Paulo Pereira, que reafirmou o objetivo de melhorar o histórico sétimo lugar alcançado em 2000, observou que a Noruega "está mais pressionada" do que Portugal, o que a equipa das quinas tentará aproveitar para "conquistar mais uma vitoria" no Euro2020.

A seleção portuguesa qualificou-se no domingo para a ronda principal, ao beneficiar da derrota da França com a Noruega, por 28-26, e fruto também das vitórias que conquistou sobre os franceses (28-25), na sexta-feira, e a Bósnia-Herzegovina (27-24), também no domingo.

A equipa nacional totaliza quatro pontos, os mesmos da também apurada Noruega, e já não poderá ser apanhada no segundo lugar do agrupamento - o último que proporciona o acesso à ronda principal - pelas duas seleções que venceu nas jornadas anteriores.

Após 14 anos de ausência, Portugal está a disputar pela sexta vez a fase final do Campeonato da Europa - no qual tem como melhor resultado o sétimo lugar alcançado em 2000, na Croácia -, encerrando a participação na ronda preliminar na terça-feira, frente à Noruega, em Trondheim.

Por Lusa

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Andebol

Sporting ataca Europa

Treinador Rui Silva está confiante para o jogo de hoje na Suécia, frente a adversário de qualidade

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.