Marta Pen adapta-se ao circuito europeu

Visando o Europeu de Berlim

A benfiquista Marta Pen só vai regressar aos Estados Unidos, onde reside desde 2014, depois da presença no Campeonato da Europa em Berlim (7 a 12 de agosto), competição onde há dois anos foi 5ª nos 1.500 metros.

A preferência da atleta encarnada, de 24 anos, aponta para provas do circuito europeu, que são geralmente mais táticas. "É preciso que ela fique a conhecer melhor as suas adversárias e se habitue a ritmos de passagens mais calculados", comentou ao nosso jornal Ana Oliveira, coordenadora do Benfica, que tem feito o enquadramento técnico da líder nacional deste ano nos 800 e 1.500 metros.
Daí que a programação de Marta Pen passe por duas competições com algum grau de exigência, depois de ter batido o máximo pessoal com 4.05,69 minutos em Nashville, EUA, a 2 de junho e de ter ganho uma prova na Alemanha, em Tubinger, com 4.06,25 minutos no último sábado.

Estes dois registos obrigaram Marta Pen a reformular o calendário. A atleta encontra-se a treinar em Lisboa à espera de confirmação de entrada em dois meetings na Irlanda e Suíça, embora este seja mais difícil por se tratar de um evento da Liga Diamante em Lausana, a 4 de Julho.
De qualquer modo, a benfiquista fará um estágio em Portugal até para ficar convenientemente adaptada ao fuso horário e à temperatura. Pelo meio, Marta Pen candidata-se a ser campeã de Portugal nos Nacionais que irão ter lugar em Leiria, a 7 e 8 de julho, e duas semanas mais tarde irá ajudar o Benfica no Campeonato da 1ª Divisão, a 21 e 22 de julho, em Braga.

Recorde-se que no último Campeonato da Europa, em Amesterdão, em 2016, Marta Pen ficou em 5º lugar na final dos 1.500 metros. Nos Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro foi afastada da final, o mesmo acontecendo no Mundial em Londres em 2017, também nos 1.500 metros.

Por Norberto Santos
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Atletismo

Notícias

Notícias Mais Vistas