Moncho López: «Alguns jogadores do Benfica estão longe da melhor forma, é notório»

Treinador do FC Porto contente com o triunfo, mas afirma que a sua equipa ainda precisa de trabalho

• Foto: Paulo Calado

O FC Porto bateu (81-74) o Benfica na meia-final da Taça de Portugal de basquetebol, naquele que foi o primeiro clássico da temporada.

Apesar do triunfo diante das águias e consequente presença na final da prova, Moncho López comentou as queixas de Carlos Lisboa, treinador do Benfica, quanto ao pedido de adiamento da 'final four' da prova, afirmando que as duas equipas "estão longe da melhor forma" nesta altura da época.

"Respeito muito o Carlos [Lisboa], respeito ao máximo a sua opinião. Honestamente, não tinha pensado nisso [no adiamento da 'final four' por mais tempo], não sei se havia datas alternativas. Planeámos as coisas para chegar aqui o melhor possível", começou por referir o treinador dos dragões.

Diferença pontual

"As diferenças de 17 e 15 pontos não acentuam a qualidade das equipas. Como disse o Carlos, a sua equipa não virou a cara à luta e penso que estiveram muito bem na segunda parte. As duas equipas estiveram irrepreensíveis em termos de esforço e vontade de vencer."

Primeira parte da equipa

"Jogámos muito bem na primeira parte, marcámos muitos pontos, a percentagem de lançamentos de dois pontos é elevadíssima. Temos uma diferença ao intervalo que não nos faz pensar que o jogo está ganho."

Má fase do Benfica

"Há que entender, e custa dizer isto quando o meu adversário vem de uma fase tão má de problemas, mas as equipas não estão preparadas e tivemos de ajustar. A diferença de pontos permitiu-nos sobreviver à boa segunda parte do Benfica, que se começou a sentir bem. Aquele pulo de energia que o Benfica encontrou, é uma repercussão direta com o psicológico."

Momento de menor domínio portista

"Os quatro pontos [de diferença] criam-nos más situações, mas o jogo está controlado. Não devíamos ter defendido tão mal o triplo do Rafael [Lisboa], podíamos taticamente fazer melhor, mas não demos a possibilidade de o Benfica ter os quatro pontos em posse de bola. O final do jogo foi muito bom."

Equipas "longe" da sua melhor forma

"Não estamos bem. Alguns jogadores do Benfica estão longe da melhor forma, é notório, mas nós também não estamos. As duas equipas precisam de trabalho. Estou muito contente com a vitória, nunca pensei que fosse fácil", concluiu.

Por Record com Lusa
10
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Basquetebol

Notícias

Notícias Mais Vistas