Van der Poel abandona um dia depois de perder a liderança

Ciclista tem como objetivo para esta temporada o ouro olímpico na prova de 'cross-country'

• Foto: EPA

O holandês Mathieu van der Poel (Alpecin-Fenix) desistiu este domingo da Volta a França, um dia depois de ter sido destronado da liderança pelo esloveno Tadej Pogacar (UAE Emirates), na oitava etapa, confirmou a organização.

Van der Poel, de 26 anos, vestiu a camisola amarela da 108.ª edição da Grande Boucle durante seis dias, depois de ter vencido a segunda etapa, no Muro de Bretanha, tendo 'caído' no sábado para o 44.º lugar, a 17.20 minutos do líder e campeão da prova.

O neto de Raymond Poulidor, o 'eterno segundo', já tinha admitido ponderar, na segunda-feira, dia de descanso, a continuidade na corrida, uma vez que o seu grande objetivo para esta temporada é o ouro olímpico na prova de 'cross-country' olímpico (XCO) em Tóquio'2020, marcada para 26 de julho.

O holandês não alinha à partida para a nona etapa do Tour, a segunda consecutiva de alta montanha, entre Cluses e Tignes, numa distância de 144,9 quilómetros, tal como o esloveno Primoz Roglic (Jumbo-Visma), vice-campeão em 2020.

Por Lusa
1
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Tour

Notícias

Notícias Mais Vistas