Coronavírus: equina de Reinaldo Ventura de quarentena

Diganosticado um caso positivo no clube italiano treinado por Sérgio Silva

• Foto: Trissino

A equipa italiana de hóquei em patins do Trissino, que conta com três portugueses, vai ficar de quarentena depois de um jogador ter sido diagnosticado com o Covid-19, segundo confirmou à agência Lusa o português Reinaldo Ventura.

O Trissino notificou os atletas e declarou que ficariam de quarentena durante 10 dias. A equipa tem três portugueses: Sérgio Silva (treinador), Reinaldo Ventura e Diogo Neves (jogadores).

A normalidade até estava a regressar ao seio do emblema italiano, que tinha autorização para treinar e ia voltar a jogar no domingo - à porta fechada - com o Montbello, depois de estarem sem jogar desde o dia 23 de fevereiro. No entanto, o caso positivo do vírus alterou a situação.

O plantel foi informado hoje, à chegada do treino, que um jogador está infetado com o Covid-19 e toda a gente foi colocada de quarentena durante 10 dias.

"Disseram que havia um colega que estava infetado com o Coronavírus e que tinhamos que ficar, juntamente com as nossas famílias, de quarentena durante 10 dias. E esperar que surjam síntomas. Para já, está tudo bem comigo e com os meus", começou por dizer Reinaldo Ventura, que chegou ao Trissino no início da época.

Apesar do número de casos continuarem a aumentar em Itália, o hoquista português garantiu que não está assustado, mas admitiu que tem a cabeça em Portugal, onde estão os pais.

"Fico mais preocupado com os meus pais. Ainda hoje liguei e pedi para se protegerem. Eles fazem parte do grupo de risco e isso preocupa-me", contou.

Reinaldo Ventura contou em que consiste a quarentena e como vai fazer no caso de precisar comprar algum bem necessário.

"Eu, a minha mulher e os meus filhos não podemos sair de casa nos próximos dias. Se tivermos algum sintoma vamos avisar e os exames serão feitos. Mas, para já, está tudo bem. Se precisarmos de alguma coisa ligamos para um número e alguém virá cá trazer", explicou.

Apesar de tudo, Reinaldo Ventura esclarece que não sabe o que vai acontecer no final da quarentena, admitindo que não foi informado de quando poderão regressar aos treinos.

Outras equipas, como o Lodi, orientado por Nuno Resende, formação localizada na região da Lombardia, a zona mais afetada pela estirpe, estão proibidas de treinar e a Taça de Itália foi adiada, sem nova data agendada.

A epidemia de Covid-19 provocada pelo novo coronavírus, que pode causar infeções graves respiratórias como pneumonia, causou até à data mais de 3.100 mortos e infetou mais de 90.300 pessoas em cerca de 70 países e territórios, incluindo quatro em Portugal.

Das pessoas infetadas, cerca de 48 mil recuperaram, segundo autoridades de saúde de vários países.

Além de 2.943 mortos na China, onde o surto foi detetado em dezembro, há registo de vítimas mortais no Irão, Itália, Coreia do Sul, Japão, França, Hong Kong, Taiwan, Austrália, Tailândia, Estados Unidos da América, San Marino e Filipinas.

A OMS declarou o surto de Covid-19 como uma emergência de saúde pública internacional de risco "muito elevado".

Por Lusa

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Hóquei em Patins

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0