Jornalista grego despedido por comentário racista

Em causa está a frase e o gesto realizados sobre o mesatenista sul-coreano Jeoung Young-Sik

Um jornalista foi despedido pela ERT (a emissora pública da Grécia), por conta de um comentário de índole racista a propósito do sul-coreano Jeoung Young-Sik, durante o encontro de ténis de mesa diante do helénico Panagoitis Giotis.

"Como é que um jogador asiático de ténis de mesa é capaz de seguir a bola com os seus olhos assim fechados?", atirou Demóstenes Karmoiris, o jornalista em causa, perante uma reação entre o sorriso e o incómodo por parte do companheiro que estava com ele a comandar o programa. Para lá da frase, Karmoiris ainda fez um gesto com as mãos a apontar para os olhos cerrados.

Alguns minutos depois, a ERT reagiu e anunciou o final de ligação com o jornalista por causa deste gesto.

Por Record
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Tóquio 2020

Notícias