Jorge Fonseca sagra-se bicampeão mundial de judo

Português superou o sérvio Aleksandar Kukolj na decisão

A carregar o vídeo ...
A emoção de Jorge Fonseca no pódio ao ouvir o Hino Nacional em Budapeste

Jorge Fonseca sagrou-se nesta sexta-feira bicampeão mundial, em Budapeste, sendo o primeiro judoca nacional a conseguir esse feito.

O olímpico do Sporting, 7.º do ranking internacional (100 kg), confirmou o seu favoritismo frente ao sérvio Aleksandar Kukolj (27.º), ao vencer por ippon, a 0,52 minutos do final, revelando-se um espírito indomável, depois de dominar em todos os cinco combates que ganhou.

Telma Monteiro continua a ser a recordista de medalhas conquistadas em Mundiais, com quatro de prata e uma de bronze, mas depois dela nunca ninguém tinha subido por duas vezes ao pódio da competição. E desta vez com duas medalhas de ouro consecutivas, depois da edição de Tóquio'2019. 

Também se trata da 13.ª medalha de Portugal na história dos Mundiais, duas de ouro, cinco de prata e seis de bronze.

Com este resultado, Jorge Fonseca, de 28 anos, vai ser um dos cabeças-de-série nos Jogos Olímpicos, mordendo os calcanhares ao top 1 do ranking, mas a lista oficial deverá sair só na próxima segunda-feira, concluída a última prova da qualificação olímpica.


Principais resultados de Jorge Fonseca

Jogos Olímpicos


Rio'2016: 17.º lugar

Mundiais

Budapeste'2021: 1.º lugar
Tóquio'2019: 1.º lugar
Baku'2018: 7.º lugar
Budapeste'2017: 9.º lugar

Europeus 

Lisboa'2021: 7.º lugar
Praga'2020: 3.º lugar
Minsk'2019: 9.º lugar
Tel Aviv'2018: 7.º lugar
Varsóvia'2017: 9.º lugar
Baku'2015: 5.º lugar

Europeus sub 23

Wroclaw'2014: 3.º lugar
Samokov'2013: 1.º lugar

Medalhas no Circuito Internacional da FIJ

Prata: 2
Bronze: 10

Jogos Europeus (equipas mistas)

Minsk'2019: 2.º lugar

Liga dos Campeões de Clubes (Sporting)

Odivelas'2019: 1.º lugar
Bucareste'2020: 1.º lugar

No quadro de honra do Mundial de Budapeste, Portugal sobe ao 5.º lugar, com uma medalha de ouro, uma de bronze (Anri Egutidze, 81 kg), um 5.º lugar (Joana Ramos, 52 kg) e um 7.º (Telma Monteiro, 57 kg), ainda antes da performance de Rochele Nunes (+78 kg) neste sábado.

Comanda o Japão (3-ouro, 3-prata, 2-bronze, 2-5.º lugar, 0-7.º lugar), seguido da Espanha (1, 1, 2, 0, 2), Geórgia (1, 1, 2, 0, 0), França (1, 1, 0, 1, 3), Portugal (1, 0, 1, 1, 1) e Federação Russa (1, 0, 1, 0, 2).

Por Record
26
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Judo

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.