Grande Prémio de França de MotoGP: Miguel Oliveira termina em 15.º

Piloto português soma mais um ponto numa corrida dominada por Marc Márquez

27/27 - Marquez vence o GP França e aumenta a liderança no mundial. Já Miguel Oliveira cortou a meta na 14.ª posição, mas a penalização de 1,5 segundos, coloca-o no 15.º lugar, último0 a receber pontos.  O piloto português da KTM soma agora 8 pontos no mundial de motociclismo.








26/27 - Miguel Oliveira vai receber penalização de 1 segundo e meio... que pena, os pontos podem assim fugir ao português.







24/27 - Fabio Quartararo continua a ganhar posições e já é 9.º. Marquez lidera a corrida, Miguel Oliveira é 14.

22/27 - Márquez lidera e controla a corrida e é a luta pela 2.ª posição entre Dovizioso e Petrucci que ganha destaque na frente. Oliveira continua em 14.º. 

20/27 - Miguel Oliveira sobe um lugar e roda agora na 14.ª posição atrás de Zarco, na sequência da queda de Takaaki Nakagami.

19/27 - Miller perde mais um lugar, é 4.º depois de ser ultrapassado por Petrucci. Mac Márquez é o mais rápido, seguido a uma distãncia de segurança de Dovizioso.

16/27 - Dovizioso é 2.º, após ultrapassar Jack Miller. Oliveira mantém-se nos lugares pontuáveis. 







15/27 - Marc Márquez vai marcando o ritmo da corrida, liderando o circuito francês. O piloto espanhol da Honda, líder do campeonato, tem conseguido manter-se na frente sem grande oposição. Oliveira também se mostra a bom ritmo, no 15.º lugar.   

12/27 - Na frente não há alterações, mas a meio da corrida Quartararo aproveita erro de Álex Rins para ganhar uma posição, é agora 10. Oliveira mantém-se na 15.ª posição mas parece estar aproximar-se de Zarco.







11/27 - Petrucci ultrapassa Rossi, ocupando agora a 4.ª posição. Marquéz continua a aumantar a vantagem para o 2.º classificado Jack Miller, enquanto Miguel Oliveira mantém-se no 15.º lugar.

10/27 - Marc Márquez vai aumentando a vantagem na frente da corrida, enquanto o piloto português da KTM mantém-se na 15.ª posição.

9/27 - Marquez mantém-se na frente da corrida em grande luta com Jack Miller; Oliveira é 15.º, atrás de Johann Zarco.







7/27 - Miguel Oliveira beneficia das quedas de Bagnaia e Vinãles e sobe na classificação, sendo agora 15.º. Na frente da corrida a luta entre Márquez e Miller está ao rubro.

 
 





5/27 - Oliveira é ultrapassado por Fabio Quartararo e roda agora na 17.ª posição, na frente Marquez recupera a liderança.

4/27 - Oliveira recupera um lugar e volta ao 16.º posto em que partiu, atrás de Francesco Bagnaia. Já na frente da corrida, Jack Miller lidera agora, após ultrapassar Marquéz, enquanto Dovizioso passou Rossi.

3/27 - Miguel Oliveira roda atrás de Álex Rins. Entretato, Rossi subiu ao 3.º lugar, atrás de jack Miller e Marc Márquez. Petrucci é agora 5, atrás de Dovizioso.    







2/27 - Oliveira perde uma posição, roda agora em 17.º, enquanto que na frente o espanhol Marc Márquez mantém a liderança, mas com Petrucci e Miller a pressionar.

1/27 - Começa a corrida! Miguel Oliveira mantém a 16.ª posição em que partiu. O trio da frente também não sofreu alterações: Marquez, Petrucci e Miller.

Duas quedas na volta de aquecimento. 






Miguel Oliveira vai partir da 16.ª posição. Arranca a volta de aquecimento.

Ouve-se o hino francês.

"Corrida parece ser a seco, vamos tentar pôr a KTM o mais à frente possível. Pontuar é objetivo", afirmou Miguel Oliveira à Sport TV antes da volta de aquecimento.







Pilotos na grelha de partida... 







Estamos em contagem decrescente para o início da corrida de 27 voltas.








Bom dia! Miguel Oliveira (KTM) vai partir do 16.º lugar para a corrida de MotoGP do Grande Prémio de França, quinta prova do Mundial de motociclismo de velocidade, que se disputa em Le Mans a partir das 13 horas e que pode acompanhar por aqui.

O espanhol, campeão mundial, Marc Máquez parte da pole position, à frente do italiano Danilo Petrucci e do australiano Jack Miller.

A sessão de qualificação, no sábado, ficou marcada pelas constantes alterações meteorológicas, tendo o piloto português da KTM arriscado na utilização de pneus slicks (lisos), que não se revelaram, contudo, como a melhor opção.

"O tempo esteve bastante estranho. Não sabíamos que pneu usar. Depois de duas voltas, decidi arriscar e usar o 'slick' mas não consegui colocá-lo à temperatura ideal e sofri uma queda. Foi uma pena pois julgo que com o pneu de chuva teria feito melhor tempo", afirmou o piloto de Almada, que hoje vai lutar para terminar a prova em lugar de somar mais pontos.


Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Motociclismo

MotoGP visto por dentro

No 70.º aniversário do arranque do Mundial, acompanhámos de perto a prova, numa altura em que o regresso a Portugal está mais próximo

Notícias

Notícias Mais Vistas