Miguel Oliveira: «Acho que deixei 'a porta aberta' em alguns momentos»

Piloto português foi terceiro no GP Argentina

• Foto: EPA

Miguel Oliveira acabou o GP Argentina de Moto2 deste domingo no terceiro lugar, mas o piloto da Red Bull KTM Ajo sabe que poderia ter subido ainda mais no pódio. 

"Acho que deixei demasiado 'a porta aberta' em alguns momentos da corrida. Sabia que era uma corrida sem grandes zonas de ultrapassagem. Senti-me bastante forte, o meu ritmo e velocidade estavam lá, mas acho que talvez as minhas trajetórias não tenham sido suficientemente defensivas e também tive a infelicidade de ser tão empurrado para fora e perder muito tempo; a três voltas do fim, o [Xavi] Vierge também me passou e não houve muito que pudesse fazer", considerou o piloto de Almada à sua assessoria de imprensa. "Ainda assim é um desfecho bastante positivo, levamos muitos pontos para casa, começamos a voltar à nossa performance normal e estou feliz por conseguir este pódio".

Oliveira soma assim 16 pontos aos seus já 11 alcançados no Qatar, no arranque da temporada de 2018, mantendo o 5.º lugar da classificação geral do Campeonato do Mundo de Motociclismo em Moto2.

A próxima (e terceira) ronda do Campeonato vai ter lugar em Austin, no Texas, entre 20 a 22 de abril, quando ainda ficam a faltar 16 provas para o desfecho da temporada.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Motociclismo

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.