Equipa de Zarco mostra dados de telemetria após francês ser apelidado "louco" e "quase assassino"

Rossi e Morbidelli acusaram-no de ser o responsável pelo sucedido

A carregar o vídeo ...
Acidente interrompe corrida de MotoGP na Austria: motos voaram pela pista e Rossi escapou por um triz

O arrepiante acidente que ontem teve lugar no GP Áustria continua a dar que falar. Vários pilotos acusaram Johann Zarco de ser o responsável pelo sucedido - a moto do francês e a de Morbidelli voaram por cima de Valentino Rossi e Maverick Viñavez, miraculosamente sem os atingir -, mas a equipa vem agora ilibá-lo.

"Depois dos comentários e declarações que foram feitos, o Johann Zarco está muito afetado porque em nenhum momento teve a intenção de realizar uma manobra que colocasse em perigo outro piloto", revelou em comunicado a Reale Avintia Racing. "Mesmo assim, o piloto quis desculpar-se e esclarecer todos os envolvidos."

"A telemetria mostrou que no momento do acidente o Zarco travou mais tarde na curva 3 do que no resto das voltas da prova e na sequência desta análise pode depreender-se que em nenhum momento a sua intenção foi prejudicar a travagem de Morbidelli ou fechar-lhe a linha", acrescentou a equipa.

 Recorde-se que Valentino Rossi e Franco Morbidelli não pouparam Zarco, apelidando-o inclusivamente de "louco" e "quase assassino".

Por Record
1
Deixe o seu comentário
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de MotoGP

Notícias

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.