Polícia brasileira encerra oficina que falsificava Lamborghinis e Ferraris

Investigação começou há dois meses, depois de uma queixa de um escritório de advogados de São Paulo que representa as duas fabricantes

As autoridades brasileiras encerraram uma oficina na cidade de Itajaí que, alegadamente, construía réplicas de modelos da Ferrari e Lamborghini.

De acordo com a publicação "Motor1", esta investigação começou há cerca de dois meses, depois de uma queixa de um escritório de advogados de São Paulo que representa as duas fabricantes transalpinas.

No resultado desta operação, a Polícia Civil de Santa Catarina terá descoberto e apreendido oito réplicas, bem como moldes e ferramentas usadas na construção destes "clones". A juntar-se a tudo isto, as autoridades brasileiras encontraram ainda vários logos das marcas em causa.

Imagens da operação foram divulgadas na internet e permitem ver quatro réplicas do Lamborghini Huracán, uma réplica do Lamborghini Gallardo e ainda um "clone" de um Ferrari F430.

"Os carros, falsificações das marcas Ferrari e Lamborghini, eram montados por encomenda e tinham a venda divulgada por meio de redes sociais", pode ler-se na publicação na página de Facebook da Polícia Civil de Santa Catarina.

No resultado desta investigação, a oficina foi encerrada e pai e filho, os dois responsáveis pelo espaço, foram detidos. Ambos enfrentam acusações contra a violação de propriedade industrial.

Autor: Aquela Máquina

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Record Auto

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.