Adeus a Paulo Gonçalves: milhares acompanharam chegada do corpo a Esposende

Piloto morreu no último dia 12, durante o Dakar; o funeral realiza-se amanhã

13h00 - O corpo segue para a agência funerária que tratou da trasladação e só a partir das 16h30 as portas da igreja vão abrir-se aos fãs, amigos e populares que quiserem juntar-se à família. O funeral realiza-se amanhã, às 16 horas. 

12h54 - O cortejo passa em frente à igreja de Gemeses e a partir de agora, a pedido da família, deixa de haver acompanhamento tanto de jornalistas como de motards. A GNR certifica-se que ninguém segue o carro funerário. 

12h42 - Todo o percurso está a ser feito com centenas de pessoas na berma da estrada a aplaudir. Os motards continuam também atrás do carro funerário.

12h37 - O cortejo fúnebre segue agora para Gemeses, onde o corpo ficará em câmara ardente até ao funeral, amanhã, às 16 horas.

12h35 - O presidente da Câmara profere algumas palavras.

12h32 - O carro funerário está parado na Praça do Município; cumpre-se um minuto de silêncio.

12h30 - O cortejo chega a Esposende; as pessoas aplaudem à passagem do carro funerário.

12h05 - Em Esposende chove nesta altura mas há muitas pessoas nas ruas e na Praça do Município, à espera para se associarem às homenagens. 

Muitas pessoas aguardam em Esposende


12h00 - O cortejo fúnebre já está na A28. Quando chegar a Esposende - onde estão mais motards - será guardado um minuto de silêncio, junto à Câmara Municipal.

11h51 - O carro funerário já deixou o aeroporto e segue em direção a Esposende. É seguido por centenas de motards e por alguns carros, onde viajam familiares do piloto. 

Centenas de motards na chegada do corpo de Paulo Gonçalves ao aeroporto do Porto


11h33 - O carro funerário já teve autorização para entrar no aeroporto e recolher a urna.

11h14 - O avião da Luftansa que transportou o corpo do malogrado piloto acaba de aterrar no aeroporto Sá Carneiro, no Porto, e deverá sair pela zona das cargas. No exterior centenas de motards aguardam para acompanharem o corpo numa escolta até Esposende. 

O piloto português Paulo Gonçalves faleceu no dia 12 deste mês, durante a 7.ª etapa do Dakar, aos 40 anos. O motard sofreu o acidente fatal no quilómetro 276 da especial da prova realizada na Arábia Saudita. O corpo do piloto chega esta quinta-feira a Portugal e o funeral realiza-se amanhã, às 16 horas, em Gemeses, freguesia do concelho de Esposende de onde 'Speedy Gonçalves' era natural.

1
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Dakar

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.