Taça Davis: Pedro Sousa abre eliminatória contra África do Sul

Tenista português vai defrontar o número um sul-africano Lloyd Harris

• Foto: Pedro Ferreira

Pedro Sousa será o primeiro português a entrar em ação no encontro com a África do Sul, referente à segunda ronda de play-off do Grupo I da zona Europa/África da Taça Davis, no Club Internacional de Foot-Ball, em Lisboa.

O lisboeta vai defrontar o número um sul-africano Lloyd Harris, 112.º do ranking ATP, naquele que será o primeiro encontro de singulares a ter lugar nos courts de terra batida do CIF, na sexta-feira, assim ditou o sorteio efetuado esta quinta-feira.

Após a estreia de Pedro Sousa (140.º ATP), João Sousa vai medir forças com Nicolaas Scholtz no segundo duelo de singulares do primeiro dia da eliminatória, que determinará a permanência da equipa vencedora no Grupo I.

"Não conheço muito bem o meu adversário, mas pelo que sei está em grande forma, tem feito bons resultados no circuito Challenger e também tem ganho alguns encontros em torneios ATP", avançou Pedro Sousa, garantindo, ainda assim, estar a sentir-se "bem, confiante" e com esperança "de fazer um bom jogo e ganhar".

Tal como o colega de equipa, o vimaranense João Sousa diz nunca ter visto jogar o adversário, no caso Nicolaas Scholtz (501.º), mas mantém o mesmo espírito.

"Independentemente do adversário, temos vindo a trabalhar bem e a tentar adaptar-nos da melhor forma às condições. Temos como objetivo ganhar os dois encontros de singulares e vamos dar o nosso melhor. Seria ótimo se conseguíssemos alcançar esse objetivo primeiro", sublinhou João Sousa.

Para o encontro de pares agendado para sábado às 10:30, o capitão da seleção nacional, Nuno Marques, nomeou Gastão Elias e João Sousa, que vão defrontar o especialista Raven Klaasen (18.ºATP em pares) e o parceiro Ruan Roelofse.

Logo depois do primeiro confronto de sábado, seguem-se os restantes dois encontros de singulares no CIF, onde ficará determinado qual das equipas garante a manutenção no Grupo I e poderá conquistar o acesso ao qualifying para o Grupo Mundial, a disputar em fevereiro de 2019.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Ténis

Notícias

Notícias Mais Vistas