Record

Roberto Reis no Benfica

Sp. Espinho confirma e critica jogador

Roberto Reis no Benfica
Roberto Reis no Benfica • Foto: LUIS VIEIRA

Depois das notícias que davam conta de um acordo entre Roberto Reis e o Sp. Espinho, e de posteriormente o jogador ter desmentido o acordo, os “tigres” confirmaram esta quinta-feira, em comunicado oficial, que o internacional português está a caminho do Benfica.

Para além disso, a formação de Espinho esclarece todos os passos do suposto acordo com Roberto Reis e deixa ainda algumas “farpas” ao jogador e à formação encarnada.

Comunicado do Sp. Espinho:

Face às notícias publicadas hoje em alguns órgãos de comunicação, cumpre aos responsáveis do Departamento de Voleibol Sénior do Sporting Clube de Espinho esclarecer a opinião pública em geral e os associados e adeptos do clube em particular, relativamente ao acordo existente entre o nosso clube e o atleta Roberto Reis, fazendo o enquadramento que julgamos necessário para que se perceba todo o processo:

1 – As prioridades iniciais na estruturação do nosso plantel nunca passaram pelo atleta Roberto Reis, não pelo valor desportivo do atleta, mas sim por questões orçamentais uma vez que éramos sabedores dos valores auferidos pelo atleta nos anos anteriores;

2 – Foi o atleta Roberto Reis quem, por diversas vezes, contactou o treinador Hugo Silva, assim como alguns responsáveis da equipa, demonstrando disponibilidade total para regressar ao SC Espinho e, até, algum ressentimento por ainda não ter sido contactado;

3 – Os responsáveis do clube, aproveitando toda a vontade demonstrada pelo atleta, acederam em iniciar conversações com o mesmo sempre dentro da realidade orçamental do clube;

4 – As negociações chegaram ao acordo final na passada quinta-feira, dia 19 de Maio, como poderemos comprovar pelas mensagens de regozijo do próprio Roberto Reis, enviadas ao nosso treinador e a alguns atletas já confirmados, sugerindo, inclusive, uma comemoração pelo facto;

5 – Nesse mesmo dia, uma vez que, derivado do fim-de-semana, o contrato iria ser processado apenas no início da semana seguinte, perguntámos ao atleta se poderíamos anunciar a sua contratação junto da comunicação social, ao que ele anuiu dizendo inclusive que iria, ele mesmo, informar também os clubes de quem ele disse ter propostas;

6 – No passado sábado, informámos o atleta de que iríamos enviar um Press Release e colocámos-lhe duas questões para utilizarmos algumas palavras dele no documento que iríamos divulgar;

7 – Nesse mesmo dia (21-05-2011, 19h49) ele respondeu-nos, por sms, dizendo, textualmente, o seguinte: “o q m levou a aceitar o convite acima d tudo é pelas amizades criadas com os jogadores e massa adepta tb por m sentir em casa, dps por achar q este ano as pessoas responsaveis pla secção vao cumprir com o prometido”;

8 – Na noite de segunda-feira, o Sporting de Clube de Espinho, após o natural tratamento das palavras do atleta, anunciou na sua página oficial no Facebook o regresso de Roberto Reis ao clube e enviou respectivo Press Release para toda a comunicação Social;

9 – No final do dia de terça-feira, o atleta contactou um dos responsáveis da secção, dizendo que tinha uma proposta fabulosa de um clube;

10 – Pelos valores em causa, tudo apontava para que tivesse sido o SL Benfica o clube que teria avançado com a fabulosa proposta. Dadas as boas relações que até então tínhamos com o mesmo, contactámos o responsável pelo voleibol, Sr. Mourinha,

fazendo ver que o atleta tinha um acordo com o SC Espinho, conforme o provavam as palavras do atleta já veiculadas em vários órgãos de comunicação social;

11 – O referido responsável disse desconhecer esse acordo, afirmando que o atleta Roberto Reis lhes tinha transmitido que apenas tinha em mão várias propostas. Concluiu dizendo que o atleta já era jogador do SL Benfica;

12 – Seguiram-se outras tentativas do atleta no sentido de amenizar, junto dos responsáreis do clube, o impacto que a sua decisão iria, naturalmente, causar;

13 – No dia de hoje, alguns jornais publicaram afirmações do atleta em que ele nega categoricamente que tenha assinado contrato com o SC Espinho. É uma verdade, de facto. Mas o referido atleta não nega que tenha o acordo verbal com o clube. Nem nega as palavras que foram divulgadas por ele, dizendo que tinha aceitado a proposta do SC Espinho “pelo carinho que sente pelos seus adeptos”;

Em conclusão:

A análise ao comportamento do atleta fica ao cargo de cada um, e será sempre feita de acordo com os princípios de cada um. Registe-se que em todo este processo, o atleta, depois de ter chegado a acordo com o SC Espinho, apenas nos deu conhecimento do contacto do SL Benfica, no regresso de Lisboa, após lá ter ido e assinado contrato, sem nunca nos ter revelado este detalhe.

Uma palavra final para os responsáveis do SL Benfica. Durante este processo, demonstraram que a grandeza do clube não se encontra repercutida na das pessoas que o servem. As pessoas que agora o dirigem, em tempo de milhões para aquelas bandas, são as mesmas que por lá andavam no tempo dos tostões, tempos esses em que demonstravam bem mais humildade e tendo sempre encontrado apoio no SC Espinho.

Aos adeptos do SC Espinho, o nosso pedido de desculpas pelo sucedido, por termos confiado em alguém que considerávamos amigo e, assim, termos defraudado as expectativas que muitos criaram. No entanto, queremos dizer que iremos continuar a pautar a nossa conduta dentro dos mesmos princípios e objectivos e que mais novidades haverão.

Para terminar, desejamos ao SL Benfica sucessos semelhantes ao dos últimos anos. Ao atleta o mesmo sucesso que obteve sempre que não representou o Sporting Clube de Espinho.

8
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Voleibol

Notícias

Notícias Mais Vistas

M